Jorge Mautner sobre SOBRE O QUE

Comecei a ler este livro e cada página, cada poema, me levava a um infinito de significados. Cada poema abre horizontes infinitos de suspense, de emoção, de absurdo, de mistérios se entrelaçando e, no final de cada poema, a sensação que fica em nosso coração é de sublime e intensa crença no destino misterioso que é a nossa vida. Mas ele entrelaça pelo amor, um amor existente em todas as dimensões e anti-dimensões e pulsações de nossos neurônios e de nosso coração. Depois de ler, seus poemas permanecem em minha alma. Este poeta é genial e ao mesmo tempo demasiadamente humano. Eu diria como ele diz como verso final de um de seus magistrais poemas: "O catavento, / trevo de quatro folhas / em movimento." Absolutamente genial.


Jorge Mautner, na orelha do livro


 

 

acessos: 263755  | Site desenvolvido pela msmidia.com