Alice Ruiz sobre “O menos vendido”

“Pronto, terminei de ler.
De degustar, nunca.
Dizem que poesia é inspirar, graças ao seu livro estou mais inspirada, ainda que sem tempo, me deu uma vontade louca de voltar de corpo e alma inteira pra esse universo e dane-se o resto. Mas a mala por fazer, autorizações para enviar, e-mails pra responder, casa por varrer, pó para tirar, ficam me dizendo não.
Se eu fizer um poema hoje, a culpa é tua e você será o primeiro a saber.
Golaço, honorável Ricardo, o Bardo.
Beijo grato”

Alice Ruiz



 

 

acessos: 249276  | Site desenvolvido pela msmidia.com