artistasgauchos












Desenvolvido por:
msmidia

SATED

$ATED: Viva paranóia!
Alexandre Vargas

“Não precisa comer as unhas só porque são suas; se você gosta de unha, coma a dos outros, se quiser ou puder”. Invocar o que se diz escondendo o que se pensa é uma espécie de júbilo sorrateiro de quem fica à margem, só observando e tirando proveito. Viva a paranóia do $ated! A junta que está governando provisoriamente (10 anos de juntas governativas!) o $ated — Sindicato dos Artistas e Técnicos em Espetáculos de Diversões do Estado do Rio Grande do Sul —, a mesma que conseguiu comprar uma Sede para o sindicato, mas não conseguiu mobilizar o quorum mínimo de votantes.

Não deu quorum?! Só 60 votantes?! O exigido é 137 votantes.

Convenhamos que deve ser mais difícil adquirir uma Sede na Praça Osvaldo Cruz, 15/912, do que alcançar o quorum de 137 votantes. Não devo nada ao $ated e nem o $ated a mim. Não há nenhuma razão para freqüentar esse gueto. Se a droga às vezes faz delirar, porque não haveria de delirar sobre o $ated? Já estou tão cheio dos falsos e verdadeiros que me converto com prazer à paranóia: “O desafio medíocre de alcançar o quorum de 137 votantes não foi alcançado porque a junta que está governando provisoriamente o $ated não têm interesse que aconteça uma renovação!”.

Não sejamos otimistas, pois a “Junta Provisória” se entregara com extrema aplicação ao exercício da animosidade sob todos os seus disfarces, a propósito de tudo e de todos, presentes ou ausentes, sindicalizados ou não sindicalizados.

Estranho ideal de funcionamento e com que engrenagens nessa arte da piscadela os artistas conferem o título aos seus legisladores? O $ated é uma pequena engrenagem numa maquina exterior muito mais complexa. O atual $ated quer os artistas e técnicos em espetáculos de diversões do Estado do Rio Grande do Sul acuados profissionalmente, acuados no plano pessoal e familiar. É o que tudo indica.

A necessidade da “classe” (termo já morto e inutilizável) é passar por uma espécie de descentramento — querendo ou não, pouco importa nesse momento continuar no mesmo embalo. O mesmo embalo é submeter os artistas e técnicos ao estado de estar acuado politicamente, reduzindo-os a assinar manifestos e petições.

Não sou uma bela alma vivendo o trágico de sua condição. Sinto chegar a uma clandestinidade voluntária, meio imposta é verdade. No entanto meu desejo político — em vez da vontade choramingona, que nos conduz a um comportamento infantil que nos revela enquanto fingimos ser sérios — é questionar para que serve essa realidade? Afinal de contas, o que há nesse $ated? Um belo conjunto de rumores, diz-que-diz, representação fragilizada, uma espécie de pastiche, um boato. É isso: o $ated é um boato! Assim não se vai longe.

Seria mais fácil e menos cansativo para a Chapa que se inscreveu nas eleições dedicar-se com o mesmo empenho e coragem a criar e fundar a Cooperativa Gaúcha de Teatro, talvez um conceito mais adequado e atual de gestão, em vez das noções ortodoxas que se formou em torno do $ated. Não ajudem o $ated, vocês vão ajudar paranóicamente. No entanto admiro a coragem dessa Chapa. De resto, para aquelas pessoas que efetivamente têm se dedicado ao trabalho dentro desse cipoal de forças políticas, é uma pena.

08/10/2008

Compartilhe

 

Comentários:

Envie seu comentário

Preencha os campos abaixo.

Nome :
E-mail :
Cidade/UF:
Mensagem:
Verificação: Repita os caracteres "460805" no campo ao lado.
 
  

 

  Resenhas

As resenhas pubicadas no portal Artistas Gaúchos são de inteira responsabilidade dos articulistas. Se você deseja enviar um texto, entre em contato com o editor do portal. Não é necessário estar cadastrado no portal para enviar resenhas e a veiculação ou não é uma escolha editorial.

editor@artistasgauchos.com.br


Colunas de Resenhas:


Os comentários são publicados no portal da forma como foram enviados em respeito
ao usuário, não responsabilizando-se o AG ou o autor pelo teor dos comentários
nem pela sua correção linguística.


Copyright © msmidia.com







Cursos em Porto Alegre

Cursos de Escrita

Cursos para escritores

Confira cursos e oficinas exclusivos feitos especialmente para escritores ou aspirantes a escritores.

Mais informações


Cursos de Escrita

Oficinas literárias

Oficinas de criação literária e escrita criativa em Porto Alegre.

Mais informações

 


Livros em destaque

O Guardião da
Chave Dourada

Airton Ortiz

Fundamentos à prática de revisão de textos

A Fantástica Jornada do Escritor no Brasil

 

compre nossos livros na